11 abril 2006

Diferenças

Fernando era uma pessoa negra, mas isso não influenciava em sua vida.Algumas pessoas da sociedade o desprezavam, mas essas eram a minora.
Ele tinha 26 anos, era casado e tinha um filho, um certo dia Fernando foi procurar emprego na sapataria Rigo, ao chegar lá uma mulher o atendeu, ela disse que ele não podia trabalhar porque eles não aceitavam pessoas negras.
A partir deste dia ele começou a ficar bravo, se separou de sua mulher e começou a se tornar agressivo e foi parar na policia três vezes por ter assaltado a loja do Sr. Plínio, O bar Taquaral, e a ferragem Bassano.
Após estas três prisões ele notou que roubar não leva a nada, a partir daí passou a ser um cidadão normal.Ele arranjou outra briga, mas essa foi para que todos os negros tenham os mesmos direitos dos brancos na sociedade.
Ele conseguiu ganhar essa luta e fundou o MCR-Movimento Contra Racismo, e, hoje é uma pessoa exemplo na sociedade.

Gustavo Toscan-81

2 comentários:

Anônimo disse...

Eu gostei muito do texto, pois mostra que não devemos ter preconceito. todos os seres humanos devem ser tratados da mesma maneira não importando cor credo ou qualquer outra mínima diferença.

Guilherme 6 a
CAIC Prof. Mariano costa
Joinville-Santa Catarina

d um colega disse...

Muito bom o texto de vcs continuem publicando textos bom. bjuxxx